quinta-feira, 18 de julho de 2013

Discurso de Aposentadoria

Tava todo mundo reunido no pátio da empresa para o discurso que iria selar a aposentadoria do funcionário mais antigo da empresa o Seu Firmino.

- Estamos aqui com Seu Firmino, um funcionário exemplar que trabalhou com a gente durante 35 anos e vai aposentar.

Já dizia o presidente todo orgulhoso com a sua gravata torta, barriga estufada e suor no rosto falando com o microfone.

- Ele que passou por tantas crises na empresa, por tantos presidentes, tantos planos e modas administrativas. Ele é tão antigo que quando ele começou com meu avô nem crachá a gente tinha ainda...

Dá um gole de água no copo e chega perto do Seu Firmino e pergunta:

- Seu Firmino? Você nunca quis trabalhar em outro lugar?

- Querer eu queria, mas as outras empresas nunca me chamaram e eu fui ficando... Fui ficando e fiquei.

- Como vamos sentir falta das brincadeiras dele...

Fala o presidente depois de uma gargalhada forçada, mas era a puríssima verdade.

11 comentários:

Moro em um Kinder Ovo disse...

Eu acabei de me aposentar, mas como a "bolsa" é pequenina vou ter que continuar batalhando diariamente. Obrigado pela visita

Pah disse...

Oiii vim agradecer sua visita no meu blog...muito obrigada...

Anne Lieri disse...

Um ótimo texto!Gostei do discurso e do final inusitado.bjs,

R. Vieira disse...

interessante Cristiano. Gostei mesmo é Cônica ou é uma história verdadeira!


Parabéns pela escrita.
vim conhecer teu blogue. Agradecer pela visita e dizer que já respondi tua pergunta!

Abraço pra ti!

Dilmar Gomes disse...

Cristiano, gostei bastante do teu post. É engraçado, mas acho que pode ser mais real do que se imagina. Como ando meio sem tempo de fazer aquela visita diária aos amigos da blogsfera, aproveitei esta oportunidade, por estar menos assoberbado e li os posts anteriores, os quais são bem interessantes. Tu tens a veia do cronista.
Um abraço. Tenhas uma boa tarde/noite.

little decoy. disse...

Olá.
Obrigada pelo seu comentário... Pois é, eu achei que passava, mas volta.
Brincadeira, é, sei. haha
Adorei o texto. Pior que é verdade, às vezes a gente estaciona... e vai ficando, ficando...

Uma duvida, já que eu não divulgo o meu blog, como você o encontrou?

Bah disse...

Pior que isso é verídico. Ouvi isso de funcionários da empresa onde trabalhei quando teve coquetel de comemoração aos funcionários com anos de casa. Triste...

Kisu!

รяª Nathalia disse...

HAHAHAH
Eu fui ficando... Fui ficando e fiquei.

Dama de Cinzas disse...

Muito bom... rsrs

Beijocas

Natália T. disse...

HAHAHAHA! boa crônica!

Inaie disse...

tadinho do Seu Firmino...foi ficando, ficando...