quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Memórias de um estagiário (2)

Era a primeira vez que eu fazia um trabalho no estagio e mostraria este trabalho para os chefes, era um aplicativo para facilitar o desenho de linhas de estacionamentos para projetistas em uma plataforma CAD. Era uma coisa simples, o usuário iria informar se era estacionamento, 45º ou 90º e daria três cliques: Um falando a altura, o outro a base e o outro o tamanho do estacionamento.
Fiquei um tempo desenvolvendo. Até que eu chego para mostrar para o meu chefe todo orgulhoso e para minha surpresa estavam alguns projetistas na sala também querendo ver.
Ai eu todo orgulhoso mostro o aplicativo e fico feliz porque eles gostaram, mas um no final me fala:
- Muito bom! Mas aqui quando eu escolho 45º está invertido, vai fazer muito sucesso lá na não mão invertida da Inglaterra!

E não é que estava invertido, mesmo.

6 comentários:

Helena disse...

Não tem jeito de algo dar certo, assim, de cara, para um estagiário mesmo. É o sujeito que mais sofre, que mais pena... não adianta. É fato!

Bjão.

Neanderthal disse...

Quando a gente ainda tá se adaptando, querendo impressionar o chefe e acontece uma dessas bate uma vergonha né! Como se estagiário não tivesse o direito de errar!

Bah disse...

Me manda o projeto pra cá pra eu apresentar pro povo daqui rs.

Kisu!

Hélio Sales Jr. disse...

Mente de primeiro mundo =)

Inaie disse...

hahaha
ainda bem que te falaram com senso de humor, podia ter levado um esporro, né?

Janice Adja disse...

Xuxexo!!!!
Sucesso!!! rsrsrsrsr
Ele é o bom!!!
beijos!!!