domingo, 1 de setembro de 2013

Filmes que eu vi em Agosto/2013

10/08/2013 - Les Meserablés:  O filme é muito bem feito, mas eu não gostei não.

11/08/2013 - A insustentável leveza do ser: A Julia que escolheu ver e pelo que ela falou leia o livro.

10 comentários:

Flora disse...

eu AMEI os miseraveis.... mas talvez pq eu seja apaixonada pelo Hugh Jackman...

E a insustentavel leveza do ser, vc gostou ou pelo comentario posso assumir que vc dormiu?rs

รяª Nathalia disse...

HAHAHAHA Adoro esse tipo de comentário!
Comecei a ver, mas é muito musical kk e olha que gosto de musica.
Parei na metade, quem sabe eu termine, e tire minhas conclusões.

Luma Rosa disse...

Oi, Cristiano!
O único problema d'Os Miseráveis no cinema é o mesmo que acontece nos palcos: as melodias são insossas e as letras pouco marcantes. Além do mais, as cenas tem ideias repetidas e três ou quatro músicas lentas em sequência. Os atores são ótimos, a culpa foi da direção.
Li o livro de Milan Kundera, já faz tempo! Ainda não assisti ao filme. Mas deve ter sido difícil carregar o telespectador através de uma jornada existencial é desafiá-lo a mergulhar em um universo tão profundo.
Para compensar, assista algo mais leve nos próximos dias! :)
Boa semana!!

Rovênia disse...

Leia o livro do Victor Hugo. Você vai gostar! Aliás, não tem como não gostar! :)

Fulana disse...

estou há meses com esse pensamento de ver os miseráveis! e já li a insustentável leveza do ser, mas nunca animei de ver o filme, medo que seja pior!

Bah disse...

Filmes? Não assisto faz um tempo os últimos que assisti foram: Somos tão jovens e VIPs, ambos nacionais.

Kisu!

Natália T. disse...

O livro do Milan Kundera é maravilhoso! Nunca vi o filme, nem sabia que existia, mas o livro vale a pena ser lido!

Les Misérables, gostei bastante. O livro é sempre melhor, em qualquer comparação filme-livro. Mas gostei muito desse último filme..

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Agradecendo e retribuindo o carinho da visita ... viajando por aqui em seus devaneio ... gostando muito ... linkando e seguindo para não perder de vista ...

beijão ao conterrâneo ...

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Qto aos filmes são maravilhosos ... qdo passou a Insustentável Leveza do Ser na década de 80 eu usava chapéu coco por conta da "paixonite" q sofri por conta da personagem Sabrina ... O livro foi por tempos meu livro de cabeceira ... li umas 4 vezes ... rs ... o filme só de poder ver o Daniel [ator] vale qualquer coisa ...

Turismóloga disse...

Ainda não assisti nenhum...

Queria assistir o primeiro, porém li as críticas e acabei não me empolgando...

Disseram que o livro é muito bom!!!

Vamos ver!