sexta-feira, 10 de maio de 2013

Coisas sobre minha mãe

Minha mãe trabalhava a noite e quando ela chegava a gente estava sempre dormindo então diferente de mães que liam para os filhos a noite. Minha mãe lia para gente de manhã.

Minha mãe quando chamava a gente (eu e meus irmãos) falava: "Cristiano, Leandro e Rafael" sempre em ordem de nascimento.

Minha mãe foi empregada domestica com 10 anos (eu acho) para sair de uma pobreza extrema em um distrito rural de Pedro Leopoldo e estudar em BH.

Minha mãe tem a mesma facilidade de me acalmar e deixar nervoso... Impressionante.

Minha mãe uma vez teve um cobreiro e minha finada avó levou para um homem que ajudava as pessoas com oração. Essa pessoa era o Chico Xavier em começo de “carreira”.

Minha mãe não entende minhas piadas, nunca entendeu. Se ela ler esse blog um dia, vai falar: "Que bobeira..."

Como já disse no blog, minha mãe foi professora de matemática e a ultima coisa que ela tentou me ensinar foi a tabuada. Não deu certo.

Minha mãe conheceu meu pai no ônibus, voltando da faculdade.

O sonho da minha mãe era eu desfilar um 7 de setembro ai ela me colocou no colégio que ela fez faculdade com meu pai. No ano que eu entrei foi o primeiro que eles largaram o desfile.

Ano que vem tem mais...

:))

5 comentários:

ᄊム尺goん disse...

A minha fazia sonhos...


beijo

Janice Adja disse...

Coisas de mãe.
Beijos!!

Dama de Cinzas disse...

Acho que minha mãe só tem capacidade de me irritar, pelo menos nos últimos anos... rsrs

Beijocas

Bah disse...

Que honra conhecer o Chico, hein? Mas o que é cobreiro?

Kisu!

Helena disse...

Sabe... eu gostei da sua mãe! ;)

Beijos!