terça-feira, 5 de junho de 2012

Um Mito: Aleijadinh​o

Conversa no trabalho...

- Você sabia que eu sou descendente do Aleijadinho

- É mesmo?

- Sou sim!

- Agora conta para nós... Historia de família... Aposto que ele era daqueles que não queria trabalhar e ficava lá só fazendo anjinho, não era?

- Nada ele tinha até ajudante e foi assim que ele conseguiu fazer tantas esculturas.

- Então ele era um pilantra que ficava abusando de mão de obra escrava e vendendo como se fosse dele?

E assim desmitificam-se uns dos maiores artistas mineiros.

10 comentários:

Kinha disse...

kkkkk, não salvade jeito nenhum, não é? rs

Bethânia disse...

Que que é isso, gente?! Então quer dizer que fomos enganados mais uma vez? kkkkkkkk

Keila disse...

E assim blasfemamos contra o mestre!

Por que você faz poema? disse...

Entre fatos e factoides
prefiro sempre o último

Fulana disse...

ih, vcs nao sabiam disso ainda?
kkkk

Madamenutso (Helo) disse...

Ichi!

Fred disse...

Tem sempre alguma coisa atrás do mito, nzé? Valeu pelas felicitações, man! Hugz!

Inaie disse...

sacanagem...as obras do aleijadinho nào eram feitas por um aleijadinho??? Ou os ajudantes eram todos aleijados também??

Pergunta pro amigo, vai..

Natália disse...

haoihaoahoahaoiahoiue

pra mim, o nego lá não é descendente coisíssima nenhuma. haohaoiae

Bah disse...

Oq ue fizeram com a história MELDELS! auhauahua

Kisu!