quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Mais uma historia

No dia mundial de luta contra AIDS conheço uma historia com esse tema que aconteceu em meados da década de 90.

Existia um senhor que era vizinho (Seu Zé) de minha casa que morava com a irmã (Dona Ana) também uma senhora, ele nunca parava para conversar com a gente na rua, nunca. Eu era moleque e eu só via anos após anos ele saindo para trabalhar somente. Até que ele ficou doente, achou que estava gripado, víamos sempre ele comprando legumes e folhas para fazer suco de amanhã porque aquela gripe nunca passava.

O tempo foi passando, foi passando ele ficando cada vez pior até que ele foi diagnosticado HIV positivo. Faleceu sem ele ou a irmã idosa entender o motivo da doença, mas o mais estranho foi um dia depois do enterro, ver aquela senhora queimando praticamente TUDO que era dele.

Da radiola de uns 40 anos até calça novinha viraram cinzas e só ficou a lembrança das poucas conversas que eu tive com ele, a que mais gosto é enquanto pirralho descascava uma laranja ele vai e me fala...

(Seu Zé) – Você não sabe descascar laranja, me passa aqui.

Pega a laranja e faz o corte de cruz e me da os quatro gomos

(Seu Zé) – Ta vendo não desperdiçou nada.

(Eu) – Obrigado.

Toda vez que corto a laranja em cruz lembro-me do Seu Zé.

Um comentário:

Gisa disse...

Que legal a sua història. Como ele pegou Aids naquele tempo??