segunda-feira, 14 de julho de 2014

A vizinha

Uma vizinha fez um golpe financeiro, deixando dezenas de pessoas no prejuízo, daqueles que não dá para reverter. Ai os repórteres querem fazer uma matéria para apresentar a autora do golpe e foram nos vizinhos para a conhecer melhor.

A vizinha da frente já achava que ela não prestava, ninguém leva o cachorro para fazer cocô no passeio da frente e não catar sendo uma boa pessoa.

A vizinha já de idade do lado disse que ela era uma pessoa de mal humor, que sempre passava por ela e nunca respondia o bom dia/boa tarde/boa noite.

O vizinho do lado estranhava dela sempre chegar tarde da noite e nunca abaixava o som do carro ao entrar na rua e sempre escutava um sertanejo universitário.


E a conclusão dos repórteres que além de desonesta ela nunca foi uma boa vizinha.

8 comentários:

Sandra disse...

Maus vizinhos geralmente não são boas pessoas, rs...

Bell disse...

kkkk, nos dias de hj eu nem sei mais quem é bom ou não....

Nanda disse...

As atitudes diárias das pessoas já passam uma boa ideia de seu caráter... ou seja, nenhuma surpresa para os vizinhos.

Dentro da Bolha disse...

e a gente vai pegando opiniões alheias para criar a nossa. até quando?

dentrodabolh.blogspot.com

Miguel Alexandre Pereira disse...

está visto que era uma pessoa complicada de lidar...

http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

Juliana disse...

Tenho medo de vizinhos... =/

Reforma, reforma, casamento, reforma, casamento, tô ficando doida :(

Aline Teles disse...

Eis a arte de conviver: encontramos de tudo e temos que dividir o espaço com pessoas tão diferentes do nosso mundinho particular. Não é fácil. Beijos.

Cyntia Campos disse...

Não gosto de vizinho, mas tento fazer a minha parte da "boa vizinhança".